ÚLTIMA HORA: Doyen coloca Sporting em tribunal por divida de 2 milhões de euros

ÚLTIMA HORA: Doyen coloca Sporting em tribunal por divida de 2 milhões de euros

22 Março, 2018 Não Por Simone Pinto

Afinal o Sporting ainda não pagou a dívida total à Doyen e está agora em tribunal.

A Doyen entrou com um processo de execução, no Tribunal Judicial da Comarca de Lisboa, contra o Sporting. O motivo é uma dívida de dois milhões de euros referentes ao caso Labyad. O valor é referente à rescisão unilateral do contrato entre o clube de Alvalade e a agência, que havia sido originalmente assinado no verão de 2012, quando o jogador chegou proveniente do PSV.

A SAD de Alvalade tinha sido condenada, pelo TAS, a pagar essa verba à Doyen, no mesmo processo que envolvia ainda Rojo. O Sporting já resolveu a questão do argentino do Manchester United, conforme anunciado pela Sociedade Desportiva em novembro de 2017, mas o pagamento de Labyad está ainda por efetuar.

O jogador chegou ao Sporting em 2012, vindo do PSV Eindhoven, na Holanda. Na primeira temporada fez 27 jogos mas na época seguinte, já com Bruno de Carvalho como presidente, não jogou de leão ao peito.

A partir dái, foi emprestado ao Vitesse até ao verão de 2015. De regresso ao Sporting, ingressou pela equipa B, sendo depois emprestado ao Fulham até ao final dessa temporada.

E foi em agosto de 2016 que o clube e jogador rescindiram o contrato. Ambas as partes chegaram mesmo a acordo para colocar ponto final na ligação, tendo este acabado por assinar, a ‘custo zero’, com o Utrecht.

Recorde-se, que os leões anunciaram, no passado mês de novembro, terem pago, na totalidade, os 17 milhões de euros correspondentes à dívida que mantinham com a Doyen Sports. No entanto, sabe-se que essa verba remetia apenas para a transferência de Marcos Rojo, em 2012.