Sporting goleia GD Chaves (COM VÍDEOS)

Sporting goleia GD Chaves (COM VÍDEOS)

22 Outubro, 2017 Não Por Tiago Pratas

Sporting CP 5 x 1 GD Chaves | Liga NOS, 9ª Jornada

O Sporting recebeu e venceu esta noite o Grupo Desportivo de Chaves por

Os leões não podiam pedir um melhor início de jogo. Ainda não estava consumado o primeiro quarto de hora de jogo, e Bas Dost já tinha apontado dois golos. O primeiro, na sequência de um canto, e no segundo, num cabecearemos letal, após cruzamento difícil de Podence.

A seguir ao 2.º golo da formação leonina, os flavienses arregaçaram as mangas e tentaram procurar a posse de bola, de forma a reduzirem a desvantagem.

À meia hora de jogo, grande polémica em campo: Gelson Martins cai na área, havendo toque físico do defesa do Chaves. A primeira decisão do árbitro foi dar o cartão amarelo ao extremo leonino, mas depois, teve que recorrer ao vídeo árbitro para confirmar a sua decisão. Debaixo de uma horda de assobios, o juiz da partida não voltou atrás na palavra e manteve a sua decisão de penalizar Gelson Martins.

Os leões não baixaram as forças e ainda antes do intervalo, aos 39’, Acuna apontou o terceiro golo do encontro. Grande jogada coletiva, com Gelson a culminar com uma bela assistência para o argentino, que apenas teve que encostar para golo.

Pouco depois acabaria por chegar o intervalo.

No segundo tempo, o domínio dos leões continuo e o quarto golo, acabaria por chegar, mais uma vez, pelos pés de Acuna, que bisaria no encontro. Bas Dost não foi egoista e deu a marcar ao extremo argentino, com um belo passe.

Apesar da goleada já ir avançada, a equipa de Jorge Jesus nunca baixou o ritmo, continuando sempre com os mesmas rotinas de ataque, provavelmente, temendo aquilo que já aconteceu algumas vezes esta temporada. Quando JJ mandava a equipa baixar o ritmo, o adversário vinha em força e os resultados não eram os melhores.

Aos 75′, Bas Dost (que vinha de uma seca de golos desde Setembro) apontou o 5-0. Piccini cruzou na direita, e o avançado holandês ao segundo poste, cabeceou para o seu hat-trick no encontro.

Mesmo ao cair do pano, o GD Chaves haveria de marcar o golo de honra, com uma jogada de enorme nível, protagonizada por Davidson. O jogo terminaria segundos depois.