Estás aqui!
Home > Futebol Internacional > Premier League: Manchester City vence no palco dos sonhos em derby escaldante!

Premier League: Manchester City vence no palco dos sonhos em derby escaldante!

Terminou há momentos o jogo entre o Manchester United de José Mourinho e o Manchester City de Pep Guardiola, que terminou com uma vitória pela margem mínima de 2-1 para a equipa visitante.

O jogo começou como de esperado, muito tático, com muitas percas de bola a meio-campo e com um Manchester City tranquilo e que aos poucos e poucos foi tomando conta do jogo. O primeiro lance grande de perigo surge aos 43 minutos de jogo, pontapé de canto batido por Kevin De Bruyne, um pontapé de canto que a defesa do Manchester United defendeu de forma embaraçosa, com muita passividade, a bola sofreu um desvio em Lukaku, ninguém acompanhou o movimento de David Silva, que à frente de De Gea, rematou para o primeiro golo do jogo.

A resposta do Manchester United foi quase imediata e aos 45 minutos, Otamendi desvia a bola de forma infeliz, Delph não consegue emendar e a boal chega a Marcus Rashford que com muita rapidez rematou para o fundo das redes de Ederson Moraes que nada pôde fazer.

Na segunda parte e apesar da atitude mais agressiva e arriscada do Manchester United, os ‘citizens’ continuaram por cima e chegaram novamente à vantagem, novamente num lance de bola parada com novo erro defensivo dos ‘Red Devils’.

Aos 54 minutos, pontapé livre batido por David Silva para a grande área, e se pensas que no primeiro golo o Manchester United defendeu mal, neste caso, Lukaku (está de novo no lance) “chutou” a bola contra as costas Chris Smalling e Otamendi não desperdiçou!

Até ao final da partida, massacre do Manchester United mas com poucas oportunidades claríssimas de golo. Porém, existe um lance que tem de ser visto e revisto! Aos 85 minutos, Martial encontra Lukaku na pequena área que dispara de pé esquerdo de forma POTENTÍSSIMA contra o corpo de Ederson Moraes que fechou a baliza a sete chaves tanto no primeiro remate como na recarga que volta a encontrar um autêntico muro na baliza de Pep Guardiola.

Após este lance, o jogo foi mais aberto, com espaço para ambas as equipas, estando o Manchester City mais perto do terceiro golo que o Manchester United do segundo.

Com este resultado, o City soma agora 46 pontos e é líder isolado com mais 11 pontos que a equipa de José Mourinho, segundo classificado.

Deixe uma resposta

Top