Estás aqui!
Home > FC Porto > Moreirense 0x0 F. C. Porto: Jogo a Zeros

Moreirense 0x0 F. C. Porto: Jogo a Zeros

ONZE DO MOREIRENSE: Jhonathan; Sagna, Abarhoun, Belkeroui e Rúben Lima; Boubacar, Alfa Semedo, Bilel e Arsénio; Tozé e Edno.

ONZE DO FC PORTO: José Sá; Ricardo Pereira, Felipe, Reyes e Alex Telles; Herrera, Óliver e Paulinho; Marega, Brahimi e Aboubakar.

Banco do Moreirense: Felipe, André Micael, Alan Schons, Zizo, Ronaldo Peña, Cádiz e Dramé.

Banco do FC Porto: Casillas, Maxi, Jorge Fernandes, Sérgio Oliveira, André André, Waris e Soares.

 

O jogo em Moreira de Cónegos começou com algumas alterações no 11 inicial do Futebol Clube do Porto em relação à meia-final da Taça CTT, com José Sá no lugar de Casillas, Reyes a substituir o lesionado Marcano, e no meio campo para compensar a lesão de Danilo, Sérgio Conceição optou por colocar Herrera com Oliver Torres do seu lado e a estreia de Paulinho nos azuis, a jogar na frente do meio campo.
Na primeira parte um jogo bem disputado, com uma notória superioridade dos Azuis e Brancos. Logo aos 2 minutos Felipe cabeceia de pontapé de canto para a defesa segura do guarda redes do Moreirense.
Aos 23 minutos, a passe de Paulinho, Aboubakar remata já dentro de área à malha lateral.
Aos 37 Paulinho com um remate à passar junto à barra, a criar grande perigo aos homens da casa.
41 minutos Brahimi desperdiça uma bola isolado, após um lance de laboratório onde Alex Telles pica a bola sobre a barreira.
Aos 44 Paulinho cria mais uma jogada de perigo, onde Jhonatan é o herói com uma dupla defesa.
As equipas voltaram do intervalo e logo aos 50 minutos Boubacar leva o primeiro cartão amarelo do jogo.
51 minutos um livre de Alex Telles é parado por Jhonatan e pela barra, com corte de Ruben Lima logo à seguir a tirar a bola de uma baliza aberta onde Felipe se preparava para marcar.
Aos 63 sai Edno, o ponta de lança do Moreirense para entrada de Cádiz para a mesma posição.
Aos 67 dá-se a priewmria substituição do lado do Porto com a entrada de Tiquinho, e a saída de Paulinho. É também o momento onde Ruben Lima leva cartão amarelo.
Aos 74 minutos sai Aboubakar e entra Waris no lado do Porto.
Aos 76′ mais uma oportunidade para o Porto onde Tiquinho falha frente ao guarda redes.
Aos 77′ sai Aouacheria e entra Zizo, e aos 83′ sai Arsénio e entra Ronaldo Pena, ambas as substituições do lado da equipa da casa.
Aos 89 minutos Sérgio Conceição retira Óliver e coloca em campo Sérgio Oliveira esgotando as substituições.
Aos 90′ falta clara de Boubacar e segundo amarelo, sendo assim expulso, amarelo logo a seguir para Jhonatan por demorar no batimento do pontapé de baliza, e sucede-se logo amarelo para Tiquinho também.
Aos 95′ o banco do Porto grita golo mas Waris vê o seu golo anulado por claro fora de jogo, e leva amarelo pro protestos a esta anulação.
Um jogo onde só houve uma equipa a jogar ao ataque, onde não faltaram oportunidades mas o empate manteve-se. As duas equipas saem daqui com um ponto cada, e o Porto permite assim ao adversário direto, o Sporting, que vencendo amanhã é líder à condição, contando com o jogo em atraso do Futebol Clube do Porto.

Deixe uma resposta

Top