Minuto 87

Minuto 87

26 Janeiro, 2018 Não Por Pedro Sousa Coelho
Se os jogos de futebol tivessem 87 minutos poderia falar hoje de uma semana do SL Benfica a roçar a perfeição. A vitória por 3×0 sobre o sempre difícil Chaves, aliou a eficácia à nota artística, que nunca se achou que esta equipa pudesse ter. Esse brilho de campeão era razão mais do que suficiente para sorrir e para falarmos na tal semana perfeita.
Contudo, os jogos não têm apenas 87 minutos. E o SL Benfica sofreu com isso nesta jornada. Num lance praticamente concluído, onde se esperava que a bola ultrapassasse a linha lateral, Krovinovic fez o possível e o impossível para manter a posse do esférico. Em resultado desse esforço, o médio lesionou-se com gravidade, e já não joga mais esta época.
O SL Benfica, e de uma forma especial Rui Vitória, tem agora em mãos a difícil tarefa de encontrar substituto para o croata. Krovinovic, recorde-se, começou a época lesionado, razão pela qual não foi inscrito na Liga dos Campeões. Em Guimarães, na 11ª jornada, assumiu a titularidade e tem sido, desde aí, um dos grandes responsáveis pelos bons resultados do 4x3x3, tornando difícil encontrar quem o substitua com o mesmo nível de eficácia.
Rui Vitória tem agora de tentar encontrar soluções dentro do plantel, avistando-se quatro possibilidades principais: João Carvalho, João Félix ou Zivkovic poderão ocupar, diretamente, a posição de Krovinovic, Pizzi poderá ser hipótese se Rui Vitória o fizer avançar no terreno,  permitindo a entrada de Samaris para a posição até aqui ocupada pelo médio português.
Estas soluções internas devem ser testadas nos treinos, dado que o SL Benfica apenas está a disputar um jogo por semana, não sendo aconselhável jogar todas as semanas com um jogador diferente até encontrar aquele que mais se adapte à posição.
São necessárias garantias de que é encontrado um substituto à altura. Se tal não se verificar, é da maior importância que o SL Benfica vá ao mercado (e já não faltam assim tantos dias até ao fecho do mesmo), para garantir, em primeiro lugar, que mantem o 4x3x3, que tão bons resultados tem permitido e, em segundo lugar, que o 4x3x3 continua a promover os mesmos, ou melhores, resultados.
Esta semana não foi só o SL Benfica, é importante que se diga, que sofreu com o facto de os jogos não terem 87 minutos. Também o Sporting CP viu o Vitória de Setúbal empatar um jogo, que estava mais do que ganho, com uma grande penalidade aos 95 minutos. São estes os jogos que, no fim, fazem com que se ganhem, ou percam, campeonatos.
O Sporting CP tem agora, apenas, mais um ponto que o SL Benfica, que segue em terceiro lugar, a dois pontos do líder FC Porto, sendo que os comandados por Sérgio Conceição têm ainda de concluir o jogo com o Estoril, que perdem por 1 -0.
A verdade é que o SL Benfica não está assim tão longe da liderança, e o facto de jogar apenas um jogo por semana permite que foque todas as atenções no campeonato. Quem diria, há uns meses, que seria possível ao tetracampeão chegar à 20ª jornada tão perto da liderança? Os campeonatos não se ganham na secretaria, não se ganham com pressão, não se ganham nas conferências de imprensa. Ganham-se em campo, e é em campo que esta equipa lutará até ao fim, rumo ao pentacampeonato. Faltam 15 finais.